sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Presente, querido professor!




Quem nunca respondeu chamada? E quem nunca driblou a chamada?

Será que ela é assim tão importante? Porque vamos combinar, quem nunca ouviu aquela história do professor chato dizendo que ia processar os alunos por uso de identidade falsa só porque resolveram assinar na lista o nome de uma pessoa que não tava na aula; ou então aquela história da carrocinha que os professores contam dizendo que não colocam presença para alunos que não estejam presentes, porque uma vez, um aluno fez isso e usou a lista de chamada como álibi e bla bla bla...

Analisemos: aluno X vai a todas as aulas, mas só tira nota pra baixo da média; aluno Y ta pendurado em faltas, mas suas notas vão muito bem, obrigado! Mas o aluno X tem direito a exame, mas mais um diazinho que o pobre Y falte, e pronto, ele já bombou de ano! INJUSTIÇA! no mínimo!

O que conta não é o tanto que aprendemos? E o que mostra isso não é a nota que tiramos na prova? Então, por que pegar tanto no pé só por causa de uns dias que o sono ou a balada foram mais atrativos do que a sala de aula?

Ta, ta, ta, que dizem que tem que ter um mínimo de presença em sala de aula e que estar lá demonstra interesse, mas não é muito mais interessante saber a matéria sem nem sequer conhecer o professor?

E talvez eu deva parar de fazer indagações, e ir atrás de contar as minhas faltas, por que sabe, né?



[Letícia]

3 comentários:

... disse...

Espero sinceramente que nenhum professor queira levar a sério essa história de processar porque né...
Na lista de chamada da minha turma vez por outra aparece a Xuxa, o Pelé, o Peter Parker...
Hiahaihaihaiahiahaihaihaiah.

[Cacá]

Góya disse...

O mais engraçado eh na minha sala q as vezes vou assinar a lista e o meu nome ja ta la ...huahuahua
Vive acontecendo.. assino por eles tb e depois eles aparecem..hehhe

Góya !

Góya disse...

Aproveitando a deixa da Cacá .... tenho ateh medo na minha sala...
O Senna tem + presença doq eu ...huehhauah